SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS

Digite o que procura

ECONOMIA

Caixa paga Bolsa Família com novo adicional de R$ 50 a NIS de final 9

Bolsa Família
Foto: Reprodução

Ouça POP Mais FM

Nesta quinta-feira, 29 de junho, a Caixa Econômica Federal efetua o pagamento da parcela de junho do programa Bolsa Família aos beneficiários com Número de Inscrição Social (NIS) finalizado em 9. Nesta ocasião, será a primeira vez que as famílias com gestantes e filhos de 7 a 18 anos receberão o novo adicional de R$ 50 juntamente com o benefício.

Desde março, o programa Bolsa Família começou a fornecer um adicional de R$ 150 para famílias com crianças de até 6 anos de idade. Com essa inclusão, o valor total do benefício pode alcançar até R$ 900 para os beneficiários que atendem aos requisitos para receber ambos os adicionais.

O valor mínimo do Bolsa Família é de R$ 600, porém, com a inclusão do novo adicional, o valor médio do benefício aumenta para R$ 705,40, o maior já registrado na história do programa. Conforme o Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, neste mês, o programa de transferência de renda do governo federal beneficiará 21,2 milhões de famílias, resultando em um investimento de R$ 14,97 bilhões.

Desde o início do ano, o programa social voltou a ser denominado Bolsa Família. O valor mínimo estabelecido é de R$ 600, o qual foi assegurado por meio da aprovação da Emenda Constitucional da Transição. Essa emenda permite que até R$ 145 bilhões sejam gastos fora do limite estabelecido pelo teto de gastos neste ano, sendo que R$ 70 bilhões desse montante estão destinados ao financiamento do referido benefício.

A partir de março, foi iniciado o pagamento do adicional de R$ 150, após o governo realizar uma revisão minuciosa no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), com o objetivo de eliminar possíveis fraudes. De acordo com o balanço mais recente divulgado em abril, aproximadamente 2,7 milhões de pessoas com irregularidades no cadastro tiveram seu benefício suspenso.

A partir de junho, uma nova adição ao Bolsa Família é a implementação da regra de proteção. Com essa nova regra, mesmo que uma família consiga emprego e melhore sua renda, ela poderá permanecer no programa por até dois anos, desde que cada membro da família receba uma quantia equivalente a até meio salário mínimo. Nesse cenário, a família passará a receber 50% do valor do benefício ao qual teria direito.

(Com informações da Agência Brasil)

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Indicadas para você

NOTÍCIAS

Ouça POP Mais FM A matéria a seguir pode ser sensível para algumas pessoas. Se você está precisando de ajuda, ligue agora mesmo no...

ENTRETENIMENTO

Ouça POP Mais FM O nome do ator Manu Rios, muito conhecido por interpretar o personagem Patrick Blanco, na série Elite, da Netflix, foi...

NOTÍCIAS

Ouça POP Mais FM Um dos motoristas do presidente Jair Bolsonaro deu entrada em um hospital de Brasília apresentando problemas respiratórios, o que pode...

NOTÍCIAS

Ouça POP Mais FM A influenciadora digital e modelo OnlyFans Kerolay Chaves, 21 anos, viu seu nome tomar força nas web após declarar ter...

Copyright © 2020-23 | Revista 360º